Cromoterapia: que cor usar para ser mais produtivo no home office?

As cores podem interferir diretamente no seu comportamento, raciocínio, foco e muito mais. Saiba como usar cada cor para melhorar seu home office!

Por Solange Lima, Especialista em Cromoterapia do Personare



Já pensou poder melhorar sua produtividade no dia a dia mudando a cor da sua roupa ou adicionando objetos de determinadas cores no seu ambiente de trabalho? A Cromoterapia te ajuda nisso! O método tem como base as sete cores do arco-íris. São elas: vermelho, laranja, amarelo, verde e azul, Entenda os significado das cores e como usá-las para ser mais produtivo no seu home-office.

O laranja traz a coragem, a força e a determinação

É considerada a cor da prosperidade. Ajuda na sensação de ousadia, coragem e estimulação. Com o laranja, as coisas fluem de maneira tranquila e segura e traz a energia de uma vida mais próspera.

A cor laranja traz força, coragem, determinação e ousadia, tirando as pessoas do estado de medo e covardia.

Use vermelho em pontos de decoração

Vermelho é a cor que traz em sua essência a ação, a vitalidade e a felicidade. Pode ser usado nas paredes ou nos detalhes para atrair uma onda de vigor, felicidade, entusiasmo, prazer, calor, poder.


O verde ajuda na irritabilidade, mas pode gerar cansaço se exagerar

A cor verde é intermediária entre as cores quentes e frias, entre os níveis físico e emocional.

O tom traz serenidade, mantém o bom funcionamento do corpo, trazendo equilíbrio e bem-estar. Ajuda a deixar a pessoa centrada, harmonizando físico e mente.

Verde tem efeito calmante, age como regeneradora dos órgãos e sistemas e normaliza as funções de todas as glândulas do corpo. Essa cor age como sedativo e ajuda nos quadros de irritabilidade, insônia, esgotamento físico, controlar os medos e inseguranças. Mas atenção: em excesso pode causar cansaço.

É a primeira cor fria, que é mais sutil e trabalha as emoções e os sentimentos. Traz calma, relaxa a mente e consequentemente o corpo, permitindo-nos ter contato com nossa essência, com o nosso “eu” mais íntimo, nos ajudando a resgatar nossa fé.

A cor ajuda a remover ideias obsessivas e padrões nocivos de comportamento. Atua diretamente no Chakra Laríngeo, localizado na altura da garganta, que facilita a verbalização e a expressão. Por isso, impulsiona a falar sobre o que incomoda e atrapalha.

Todas as vezes que você sentir necessidade de trabalhar a energia da comunicação na sua vida, faça um trabalho de visualização criativa da cor azul neste Chakra por pelo menos cinco minutos.

O rosa ajuda nos sentimentos amorosos

A cor também tem a função de harmonizar e melhorar a comunicação nos relacionamentos. O rosa ensina a trabalhar a energia do amor, do perdão.

A cor ajuda a permitir, a aceitar as diferenças, a buscar reconciliações e entendimentos de mágoas e ressentimentos do passado.

Busque na energia da cor rosa a sustentação para lidar com essas situações, sem medo de ser feliz, de ser amado novamente ou de ser aceito.


Cores que não fazem parte da Cromoterapia


Preto, branco, cinza e marrom podem ajudar quando usadas nas roupas

Branco, preto, marrom e cinza não têm função terapêutica segundo a Cromoterapia, mas podem trazer benefícios quando usadas nas roupas.

  • Branca: O branco é a junção de todas as cores. Remete à pureza, perfeição e paz. Usar roupa branca pode deixar mais alegre, festivo e jovial.

  • Preto: O uso da cor preta nas roupas demonstra mistério e discrição. Usa-se quando a pessoa quer se esconder de algo que não está disposta a enfrentar no momento.

  • Marrom: O uso da cor marrom nas roupas representa a ligação com a terra, trazendo solidez, segurança e confiança. A cor pode transmitir calma, mas os tons mais escuros podem causar desconforto e mal-estar.

  • Cinza: O cinza é a junção do preto com o branco. Geralmente, está ligado à indecisão e à incerteza. Pessoas mais tímidas podem gostar dessa cor nas roupas, pois remete ao não envolvimento com as pessoas. É como se a pessoa se tornasse invisível.


11 visualizações0 comentário